Topo
Blog do Matias

Blog do Matias

Strokes, Beach Boys, Nirvana, Radiohead e outros plágios clássicos

Alexandre Matias

15/05/2015 05h13

strokes-beach-boys-nirvana

Ainda não sabemos se a semelhança entre "Sweet Child O'Mine" dos Guns N'Roses e "Unpublished Critics" do Australian Crawl é só uma coincidência ou se uma é cópia da outra, mas não é a primeira nem a última vez que, na música pop, uma canção de sucesso é parecida demais com uma uma outra de uma geração anterior. Se o plágio é consciente ou não é outro papo, mas é fato que muitos hits que todos conhecemos e curtimos tiveram suas origens em faixas menos conhecidas de um passado às vezes não tão distante. E nem estou me referindo apenas a bandas novas…

Veja "Surfin' U.S.A.", o hit que colocou os Beach Boys no mapa da música pop, em 1963:


Beach Boys – "Surfin' U.S.A."

Ela não é bem parecida com "Sweet Little Sixteen", do Chuck Berry?


Chuck Berry – "Sweet Little Sixteen"

O grande guitarrista da primeira fase do rock também achou e, após pressionar o grupo, conseguiu que seu nome fosse creditado como co-autor da faixa, ao lado de Brian Wilson, o principal compositor dos Beach Boys. O falecido Carl Wilson, irmão de Brian e a principal voz do grupo, disse ter encontrado Chuck Berry no meio dos anos 70 e que ele adorava a canção.

E essa música do Jet?


Jet – "Are You Gonna Be My Girl?"

Não parece bastante um dos grandes hits de Iggy Pop?


Iggy Pop – "Lust for Life"

Mas tanto o baterista do Jet, Chris Certer, e o próprio Iggy Pop apontam a batida pesada de hits da Motown – especificamente "You Can't Hurry Love" das Supremes – como inspiração comum para as duas músicas.

Aí temos "Come As You Are", uma das grandes músicas da obra-prima do Nirvana, Nevermind:


Nirvana – "Come as You Are"

Não é o mesmo riff de "Eighties", do Killing Joke?


Killing Joke – "Eighties"

Mas embora a banda inglesa não tenha gostado da semelhança entre as duas músicas, preferiu não processar o Nirvana por plágio.

E o primeiro hit do Radiohead?


Creep – "Radiohead"

"Creep" não é bem parecida com "The Air that I Breathe", dos Hollies?


Hollies – "The Air That I Breath"

A banda achou, a justiça também achou e hoje "Creep" é creditada ao Radiohead e aos autores da música do Hollies, Albert Hammond e Mike Hazelwood.

E aí temos o exemplo mais descarado: "Last Nite" dos Strokes…


Strokes – "Last Nite"

…que tem vários trechos parecidos com "American Girl" de Tom Petty.


Tom Petty – "American Girl"

Tanto os Strokes quanto Tom Petty reconheceram as semelhanças e Julian Casablancas admitiu ter copiado inconscientemente a faixa do velho Tom. Mas ambos riram da coincidência e seguiram suas vidas, sem precisar recorrer aos tribunais.

E estes são apenas alguns exemplos. Há "My Sweet Lord" de George Harrison, que é tão parecida com "He's So Fine" das Chiftons que hoje a música é creditada entre aos artistas. E "Fourth Time Around", de Bob Dylan, que é "Norwegian Wood" dos Beatles com um novo arranjo? Você lembra de outra coincidência dessas? Comenta aí!

Sobre o Autor

Alexandre Matias cobre cultura, comportamento e tecnologia há mais de duas décadas e sua produção está centralizada no site Trabalho Sujo (www.trabalhosujo.com.br), desde 1995 (@trabalhosujo nas rede sociais). É curador de música do Centro Cultural São Paulo e do Centro da Terra, do ciclo de debates Spotify Talks, colunista da revista Caros Amigos, e produtor da festa Noites Trabalho Sujo.

Sobre o Blog

A cultura do século 21 é muito mais ampla que a cultura pop, a vida digital ou o mercado de massas. Inclui comportamento, hypes, ciência, nostalgia e tecnologia traduzidos diariamente em livros, discos, sites, revistas, blogs, HQs, séries, filmes e programas de TV. Um lugar para discussões aprofundadas, paralelos entre diferentes áreas e velhos assuntos à tona, tudo ao mesmo tempo.