Blog do Matias

BBC escolhe as 100 melhores comédias da história do cinema

Alexandre Matias

23/08/2017 09h58

Senta que lá vem lista! A emissora britânica BBC resolveu fazer uma enquete com críticos de cinema de todo o mundo para descobrir quais são as cem comédias mais importantes de todos os tempos e o resultado é uma lista respeitável e, claro, controversa. Afinal de contas, infelizmente comédias são itens raros em listas de melhores filmes de todos os tempos, basicamente por serem desmerecidas como uma espécie de subgênero cinematográfico, como se rir fosse uma reação menos racionalizada ou intelectual do que aquelas provocadas pelos filmes ditos sérios. Mas basta passar os olhos pela centena de filmes abaixo para ver que inúmeros clássicos do cinema são feitos para nos fazer sorrir, rir e gargalhar – e em vários casos chorar de rir. Há, claro, polêmicas relacionadas a filmes que teoricamente não são comédias, mas o resultado final é um senhor exemplo da importância do gênero no cânone cinematográfico – e nosso débito com filmes hilários que mudaram nossas vidas. O link para a lista original está aqui e neste outro link você vê como cada crítico votou.

100) (empate) O Rei da Comédia (Martin Scorsese, 1982)
100) O Terror das Mulheres (Jerry Lewis, 1961)
99) O Panaca (Carl Reiner, 1979)
98) Se Beber, Não Case (Todd Phillips, 2009)
97) Caixa de Música (James Parrott, 1932)
96) Nascida Ontem (George Cukor, 1950)
95) Os Caça-Fantasmas (Ivan Reitman, 1984)
94) Rushmore: Três é Demais (Wes Anderson, 1998)
93) South Park: Maior, Melhor e Sem Cortes (Trey Parker, 1999)
92) O Anjo Exterminador (Luis Buñuel, 1962)
91) Essa Pequena é uma Parada (Peter Bogdanovich, 1972)
90) O Caçador de Dotes (Elaine May, 1971)
89) As Pequenas Margaridas (Vera Chytilová, 1966)
88) Zoolander (Ben Stiller, 2001)

87) Os Homens Preferem as Loiras (Howard Hawks, 1953)
86) As Oito Vítimas (Robert Hamer, 1949)
85) Amarcord (Federico Fellini, 1973)
84) Esperando o Sr. Guffman (Christopher Guest, 1996)
83) O Homem Mosca (Fred C Newmeyer e Sam Taylor, 1923)
82) Top Secret! Super Confidencial (Jim Abrahams, David Zucker e Jerry Zucker, 1984)
81) Quem Vai Ficar Com Mary? (Bobby e Peter Farrelly, 1998)
80) Como Enlouquecer seu Chefe (Mike Judge, 1999)

79) O Jantar dos Malas (Francis Veber, 1998)
78) A Princesa Prometida (Rob Reiner, 1987)
77) Divórcio à Italiana (Pietro Germi, 1961)
76) Sócios no Amor (Ernst Lubitsch, 1933)
75) Mulher de Verdade (Preston Sturges, 1942)
74) Trocando as Bolas (John Landis, 1983)
73) O Professor Aloprado (Jerry Lewis, 1963)
72) Corra Que a Polícia Vem Aí! (David Zucker, 1988)

71) Os Excêntricos Tenenbaums (Wes Anderson, 2001)
70) Conversa Truncada (Armando Iannucci, 2009)
69) A Última Noite de Bóris Grushenko (Woody Allen, 1975)
68) Ninotchka (Ernst Lubitsch, 1939)
67) Filhos do Deserto (William A Seiter, 1933)
66) Chumbo Grosso (Edgar Wright, 2007)

65) Clube dos Pilantras (Harold Ramis, 1980)
64) Quase Irmãos (Adam McKay, 2008)
63) Esse Mundo é um Hospício (Frank Capra, 1944)
62) O que Fazemos nas Sombras (Jemaine Clement e Taika Waititi, 2014)
61) Team America: Detonando o Mundo (Trey Parker, 2004)
60) Todo Mundo Quase Morto (Edgar Wright, 2004)
59) Toni Erdmann (Maren Ade, 2016)
58) Zelig (Woody Allen, 1983)
57) Meninas Malvadas (Mark Waters, 2004)
56) Nos Bastidores da Notícia (James L. Brooks, 1987)
55) O Melhor do Show (Christopher Guest, 2000)
54) Ensina-me a Viver (Hal Ashby, 1971)
53) Os Irmãos Cara de Pau (John Landis, 1980)

52) Irene, a Teimosa (Gregory La Cava, 1936)
51) Sete Oportunidades (Buster Keaton, 1925)
50) Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos (Pedro Almodóvar, 1988)
49) O Discreto Charme da Burguesia(Luis Buñuel, 1972)
48) Ladrão de Alcova (Ernst Lubitsch, 1932)
47) Clube dos Cafajestes (John Landis, 1978)

46) Pulp Fiction – Tempos de Violência (Quentin Tarantino, 1994)
45) Os Eternos Desconhecidos (Mario Monicelli, 1958)
44) Missão Madrinha de Casamento (Paul Feig, 2011)
43) M*A*S*H (Robert Altman, 1970)
42) Cupido é Moleque Teimoso (Leo McCarey, 1937)
41) Borat: O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América (Larry Charles, 2006)
40) Primavera para Hitler (Mel Brooks, 1967)
39) Uma Noite na Ópera (Sam Wood e Edmund Goulding, 1935)
38) Núpcias de Escândalo (George Cukor, 1940)
37) Contrastes Humanos (Preston Sturges, 1941)
36) Um Peixe Chamado Wanda (Charles Crichton e John Cleese, 1988)
35) Cantando na Chuva (Stanley Donen e Gene Kelly, 1952)
34) As Patricinhas de Beverly Hills (Amy Heckerling, 1995)
33) O Âncora: A Lenda de Ron Burgundy (Adam McKay, 2004)
32) Arizona Nunca Mais (Joel e Ethan Coen, 1987)

31) Tootsie (Sydney Pollack, 1982)
30) As Férias do Senhor Hulot (Jacques Tati, 1953)
29) Harry & Sally: Feitos um para o Outro (Rob Reiner, 1989)
28) Aconteceu Naquela Noite (Frank Capra, 1934)
27) Se Meu Apartamento Falasse (Billy Wilder, 1960)
26) Meu Tio (Jacques Tati, 1958)
25) A Corrida do Ouro (Charlie Chaplin, 1925)
24) Os Desajustados (Bruce Robinson, 1987)
23) Um Convidado Bem Trapalhão (Blake Edwards, 1968)
22) O Jovem Frankenstein (Mel Brooks, 1974)
21) Luzes da Cidade (Charlie Chaplin, 1931)
20) Banzé no Oeste (Mel Brooks, 1974)
19) As 3 Noites de Eva (Preston Sturges, 1941)
18) Bancando o Águia (Buster Keaton, 1924)
17) Levada da Breca (Howard Hawks, 1938)
16) O Grande Ditador (Charlie Chaplin, 1940)
15) Monty Python e o Cálice Sagrado (Terry Gilliam e Terry Jones, 1975)

14) Jejum de Amor (Howard Hawks, 1940)
13) Ser ou Não Ser (Ernst Lubitsch, 1942)
12) Tempos Modernos (Charlie Chaplin, 1936)
11) O Grande Lebowski (Joel e Ethan Coen, 1998)
10) A General (Clyde Bruckman e Buster Keaton, 1926)
9) Isto É Spinal Tap (Rob Reiner, 1984)

8) Playtime – Tempo de Diversão (Jacques Tati, 1967)
7) Apertem os Cincos, O Piloto Sumiu! (Jim Abrahams, David Zucker e Jerry Zucker, 1980)
6) A Vida de Brian (Terry Jones, 1979)
5) O Diabo a Quatro (Leo McCarey, 1933)
4) Feitiço do Tempo (Harold Ramis, 1993)
3) Noive Neurótico, Noiva Nervosa (Woody Allen, 1977)

2) Dr. Fantástico ou: Como eu Aprendi a Parar de Me Preocupar e Amar a Bomba
(Stanley Kubrick, 1964)
1) Quanto Mais Quente Melhor (Billy Wilder, 1959)

Tem algum faltando? Sobrando? Que outro merecia estar na lista? E a ordem, quem merecia ter mais destaque?

Sobre o Autor

Alexandre Matias cobre cultura, comportamento e tecnologia há mais de duas décadas e sua produção está centralizada no site Trabalho Sujo (www.trabalhosujo.com.br), desde 1995 (@trabalhosujo nas rede sociais). É curador de música do Centro Cultural São Paulo e do Centro da Terra, do ciclo de debates Spotify Talks, colunista da revista Caros Amigos, e produtor da festa Noites Trabalho Sujo.

Sobre o Blog

A cultura do século 21 é muito mais ampla que a cultura pop, a vida digital ou o mercado de massas. Inclui comportamento, hypes, ciência, nostalgia e tecnologia traduzidos diariamente em livros, discos, sites, revistas, blogs, HQs, séries, filmes e programas de TV. Um lugar para discussões aprofundadas, paralelos entre diferentes áreas e velhos assuntos à tona, tudo ao mesmo tempo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Blog do Matias
Topo